Ligia Rosenstein

7 Perguntas essenciais para quem quer ser produtivo

7 Perguntas essenciais para quem quer ser produtivo
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter

7 perguntas

É fácil cair na armadilha de medir sua produtividade de acordo com o número de itens que ticou em uma lista de afazeres, mas há muitas maneiras potencialmente mais úteis (e mais importantes) para julgar se seu dia está sendo produtivo ou não. Faça a si mesmo essas perguntas, no final do dia, ou quando você está planejando sua agenda.

Eu fiz alguma atividade hoje que possa me gerar algum retorno?
Pergunte a si mesmo se você fez algo que poderia ver como um investimento e que esse seu esforço lhe gere frutos em um futuro próximo.
Construí ou fortaleci algum relacionamento hoje?
Construção e manutenção de relacionamentos são essenciais para uma vida produtiva, mesmo porque você pode precisar de ajuda durante o processo (ou simplesmente ter com quem comemorar quando atingir seu objetivo).
Consegui avaliar minhas tarefas e dizer não para atividades/pessoas que iriam apenas consumir meu tempo sem nenhum retorno aparente?
Saber dizer não é uma competência extremamente importante para evitar que seu dia seja tomado por atividades pouco produtivas e/ou pouco importantes para você.
Coloquei em prática os meus valores?
Em primeiro lugar, descubra QUAIS são os seus valores. Depois procure coloca-los em prática, isso será produtivo se fizer com que você sinta que está agindo de forma verdadeira e honesta consigo mesmo.
Fiz alguma coisa hoje que irá aliviar minha ansiedade, frustração ou pendência que estava me impactando?
Adiar a resolução de problemas irá apenas aumenta-los, uma vida produtiva é uma vida onde os obstáculos são enfrentados e não reprimidos.
Pratiquei hoje algum hábito relativo a minha saúde e bem estar?
Afinal, muitas vezes nos focamos tanto em sermos produtivos, mas esquecemos que para conseguirmos dar nosso melhor precisamos estar bem e saudáveis.
O que eu fiz certo hoje?
Para pessoas que buscam a produtividade, o foco geralmente está no que elas fazem de errado, não caia nessa armadilha, pergunte-se o que está dando certo. Esse pode ser o ponto de partida para você entender como seu corpo funciona e como você pode agir para ser mais produtivo naquilo que ainda procrastina.
* baseado no livro “The anxiety toolkit” de Alice Boyes

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter

Veja Também:

Artigos Relacionados